Pesquisa Mercadológica

Pesquisa Descritiva
qualitativa
quantitativa
descritiva

Método de observação:
1.Pessoal: vou resgistrar o comportamento no exato momento que ocorre. Se usa bastante nos cruzamentos de avenidas para contar o tráfego de minuto a minuto.
2.Mecânica: envolve a utilização de um dispositivo eletrônico ou mecânico para contar o número de pessoas, ou seja na observação de comportamento. Ex.: catraca, freeway no pedágio, audiência (ibope).

Medição e Escalonamento
Mensurar significa eu atribuir numeros ou simbolos às caractesrísticas dos objetos que estão sendo estudados, de acordo com regras pré-determinadas. É medida as percepções, as atitudes, etc.

Escalas primárias de medição:

  • Escala nominal: ex.: número da loja, nº dos jogadores, nº das etiquetas.
  • Ordinal: classificação. Ex.: ranking, torneio, etc.
  • Intervalo trabalho com escalas numericamentes iguais. Pode ser de 1 a 7, na qual há um ponto neutro na escala. Por exemplo, gosto muito e gosto nada.

Escalas Comparativas:
As escalas comparativas envolvem a comparação direta entre dois ou mais objetos.

  • Comparação por pares, exemplo, coca ou pepsi? Cerveja ou vinho? Centro ou bairro? A mais fácil de aplicar.
  • Comparação por ondem de classificação: dou uam série de alternativas e peço que ele ordene segundo algum critério, aqui eu posso fazer uam lista de refrigerente e peço q ordene de acordo com a sua preferência. Para analisar complica um poco. Nada é impossivel usando tecnologia.
  • Soma constante: dou uma série de alternativas, e peço para ele fazer a soma 100, há um problema de compreensão pois a resposta demora, pois há necessidade de uam calculadora. Vou ordenas de uam forma que chega a sem, uma soma constante. Se eu der duas opções fica fácil.

Não-comparativas: um objeto é avaliado por vez, não sendo realizada nenhuma comparação com outro objeto ou serviço.

  • Escala de classificação contínua: há uma escala de 1 a 10 e peço p ele avaliar. A aplicaçãoé estremamente rápida, poréma  análise (tabulação) é extremamente demorada.
  • Escala por itens:
    a) Likert: dentro da escala normalmente eu trabalho de 1 a 5, aonde, por exemplo, 1-dircordo muito 3-não concordo nem discordo e 5-concordo muito.
  • b) Diferencial semântico: escala de 1 a 7, onde eu tenho o 4 como nº neutro, e trabalho com diferenção, o nº 1 é muito robusto/complexo e o nº 7 muito delicado/simples. Peço paraposicionar como ele vê o serviço.

Questionário: a parte mais delicada, por causa das perguntas, pode levar ao erro nas minhas pesquisas se mal formulado.
Um questionário é um conjunto formalizados de perguntas para obter informações do entrevistado. Três são os objetivos:

  • Deve traduzir a informação desejada em um conjunto de perguntas específicas que o entrevistado esteja disposto a responder e que tenha condições de fazê-lo;
  • Minimizar as exigências impostas ao entrevistado, ou seja, deve motiva-lo e evitar tendenciosidades nas respostas;
  • Deve minimizar os erros nas respostas.

Etapas: processo de elaboração de questionário.
1. Idéia bem clara de quem eu estou entrevistando (entender o publico-alvo). As informações que eu quero obter devem atender as especificações do problema.
2. O método de coleta. Como vou fazer essa coleta? Telefone (simples e diretas 2 perguntas), pessoal (mais elaboradas), correio, internet (não sei quem está me respondendo). A forma de coletas os dados.
3. Conteúdo da pergunta individual. A pergunta é necessária? Como usarei esses dados? Podem ser inseridos perguntas neutros. Podem ser utilizados perguntas repetidos.
4. Superar a incapacidade e a indisposição do entrevistado em responder.
Entrevistado é informado. Entrevistado consegue se lembrar. Minimizar o esforço do entrevistado em responder. Informação é sensível ou delicato (quanto você ganha por mês?).
5. Escolher a estrutura da pergunta. Não estruturada? Perguntas abertas? Por exemplo: qual o refrigerante que você gosta? Há enes respostas para isso, e comofazer uma análise? Melhor trabalhar numa qualitativa para melhor análise das pessoas.
Há as estruturadas, de multipla escolha, onde há uam série de alternativas, as chamadas (dicotômicas), so tem duas respostas sim ou não.
6. Escolher o texto da pergunta: quando trabalho no texto utilizo palavras simples com fácil entendimento. Pergunta adequada ao público alvo. Evitar palavras ambíguas (usualmente, normalmente). A maioria não entende a termologia do marketing.
7. Determinar as ordens da perguntas. O que vem primeiro. Ha as perguntas de abertura devem ser as mais simples: idade, escolaridade e renda. Perguntas iniciais devem preceder as específicas, ou seja, antes de entrar no assunto. Perguntas delicadas, difíceis, delicadas, complexas devem ser colocadas no final do questiónario. Determinar uam certa lógica nessas minhas perguntas, trabalho comblocos de acodo com oq estou pesquisando.
8. Formato e layout: trabalho com blocos de perguntas, imagino como pré-codificar (excel) para analisar esses dados. Numerar o questionário.
9. Reprodução do questionário: aparência agradável, texto legível.
10. Pré-teste: obrigatório fazer um do meu questionário, antes de aplicar no publico-alvo. Depois do meu questionário estiver abotoadinho eu o aplico, óbvioque a amostra é pequena. Checa-se o entendimento, a  lógica e a eficácia.

Vamos fazer um questionário: uma empresa de comésticos gostaria de aumentar sua participação no mercado feminino de estudantes universitárias. A empresa os emprega como consultores para obter a visão e percepção premilinar das atitudes, compras e uso de cosméticos das estudantes. Prepara um questionário preliminar.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s